(85) 3215 - 4515

Abdômen

Lipoaspiração

A lipoaspiração é definida também como lipoplastia, que é o procedimento cirúrgico indicado para eliminar a gordura localizada que não responde a dietas tradicionais, a exercícios físicos e que não diminui com regimes alimentares. É recomendado para pacientes que apresentam boa eslasticidade de pele e consistência adequada do tecido celular subcutâneo. É importante lembrar que a lipoaspiração não deve ser confudida com um método de emagrecimento, pois sua finalidade é com relação ao contorno corporal e para que o resultado seja satisfatório, o(a) paciente deve estar o mais próximo(a) possível de seu peso ideal.

TÉCNICA:
A lipoaspiração é realizada através de uma incisão de cerca de 5mm, próxima a região a ser lipoaspirada. Por esse orifício é introduzida uma cânula finíssima conectada a um aspirador especial, para a remoção da gordura. O limite que adotamos na lipoaspiração é até 5% do volume em litros do peso corporal, ou seja, em uma pessoa de 60 kg, é possível eliminar até 3 litros de gordura. Se houver necessidade da retirada de um volume maior de gordura outras etapas cirúrgicas poderão ser programadas para se alcançar um resultado definitivo.

REGIÕES:
A lipoaspiração pode ser realizada em diversas partes do corpo, apresentando melhores resultados nas regiões laterais da coxa (culotes), embaixo do queixo (papada), parte interna das coxas, região anterior do abdômen, região lateral do abdômen (cintura), região dorsal e nádegas.

RESULTADOS:
Os resutados da cirurgia começam a ser observados com maior nitidez cerca de 30 dias após a sua realização, época em que se observam uma redução do edema (inchaço). Os resultados definitivos podem ser observados entre o 3 e o 6 mês.

PERÍODO DE INTERNAÇÃO:
Geralmente entre 12 a 24 horas

TEMPO DO ATO CIRÚRGICO:
Geralmente entre 1 a 3 horas, dependo do número de regiões a serem lipoaspiradas.

ANESTESIA:
Local (para pequenas áreas), peridural, ou geral ( quando são aspiradas várias regiões do corpo).

PÓS-OPERATÓRIO:
Para evitar dor, o paciente deve manter um repouso relativo por 5 dias após a cirurgia. É comum surgirem equimoses (manchas roxas) nas áreas lipoaspiradas, que desaparecem com o tempo. É necessário o uso, por no mínimo noventa dias, de modeladores elásticos, compressivos específicos para as áreas submetidas a lipoaspiração. A livre exposição ao sol só é permitida após o desaparecimento das equimoses. A prática de exercícios físicos pode ser iniciada geralmente após 30 dias. É muito importante que o paciente inicie o quanto possível a drenagem linfática, pois ela diminui as equimoses e reduz o edema, facilitando assim a recuperação.

COMUNICADO IMPORTANTE:

Diante das variações técnicas que existem para a Lipoaspiração, é importante uma boa avaliação com o cirurgião plástico para definir a técnica mais adequada para cada caso. É importante ressaltar que os cuidados no pós-operatório, bem como a reação do organismo à cirurgia são determinantes para o resultado final satisfatório do procedimento. O risco de complicações ou intercorrêcias como: seroma, hematoma, infecção, fibroses, quelóides, embolia dentre outras, podem ser de 1 a 3% independente da técnica empregada.

Gostaria de fazer a cirurgia de Lipoaspiração? Clique aqui e entre em contato conosco!

Dúvidas? Assista entrevistas sobre Lipoaspiração: