(85) 3215 - 4515

Tratamentos Faciais

Peeling de Diamante

O Peeling de Diamante, assim o como Peeling de Cristal é uma técnica de Microdermoabrasão, porém, com algumas diferenças, a principal delas é que é uma técnica mais sutil de esfoliação da pele e a substância utilizada, que são os cristais de diamante. É um procedimento simples, rápido e indolor que tem grande aceitação, pois traz bons resultados com recuperação rápida e poucas sessões.

Ambas as técnicas tem como função a renovação celular, através da Microdermoabrasão que vai remover as células mortas e estimular a formação de novos tecidos. A formação de colágeno resultante do procedimento é um fator determinante para que a pele fica mais brilhante, saudável e bonita, além de ser um procedimento muito eficaz no tratamento de rugas e sulco nasogeniano (Rejuvenescimento Facial), tratamento de acne e suas cicatrizes e no clareamento da pele (manchas e melasmas).

Procedimento:

Inicia-se o procedimento com uma limpeza de pele para retirada superficial de impurezas, em seguida, o aparelho promove a pulverização de cristais de diamante na pele e a remoção das células mortas com o sistema de sucção a vácuo. Através da esfoliação promovida pelo aparelho, ocorre a renovação da pele e produção de colágeno, dando firmeza e brilho para a pele.

Objetivos:

Através da Microdermoabrasão com cristais de diamante, promover a esfoliação e remoção de células mortas da pele. Tendo como resultado a renovação dos tecidos da pele e uma aparência mais jovem e bonita, além de ser um importante tratamento de cicatrizes de acne, rugas, sulcos e manchas na pele.

Indicações:

O procedimento é indicado para todos os tipos de pele no tratamento de:

– Rejuvenescimento Facial (Rugas e sulcos);

– Linhas de expressão;

– Acne;

– Cicatrizes;

– Manchas na pele.

Vantagens:

– Procedimento simples e não invasivo;

– Indolor;

– Método seguro e homologado pela ANVISA;

– Sessões rápidas;

– Rápida Recuperação.

 

Observação:

É importante ressaltar que os cuidados após o procedimento, bem como a reação do organismo são determinantes para o resultado final satisfatório do procedimento. O risco de complicações ou intercorrêcias podem ser de 1%.