Confira o canal no Youtube

Tratamentos Faciais

Botox

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=8qPzjDh-qZI O Botox (nome mais popular do uso de toxina botulínica para o tratamento de rugas) tornou-se muito popular nos últimos anos. Por ser considerado não-invasivo, podendo ser realizado em consultório sem a necessidade de internação em hospital, o tratamento com Botox é muito interessante para pessoas que não querem se submeter a um procedimento cirúrgico mais agressivo de rejuvenescimento facial. As principais áreas de atuação estética do Botox são: – Rugas de expressão frontais na testa; – Rugas na região glabelar (entre as sobrancelhas); – Rugas ao redor dos olhos (pés-de-galinha); A toxina botulínica é produzida pela bactéria Clostridium botulinum e provoca relaxamento muscular por meio da inibição de uma substância química chamada Acetilcolina, na junção entre o nervo e o músculo (placa neuromuscular). Ela vem sendo usada, desde os anos 80, para tratamento de doenças neurológicas e oftalmológicas em que ocorre contração incontrolada ou exagerada da musculatura. A ação da toxina é localizada, provocando paralisia muscular, que permanece de 2 a 6 meses. Após esse período, o músculo é capaz de formar novas placas (neurogênese), voltando à sua contração normal. A ação da toxina botulínica inicia-se após 48 horas do procedimento, atingindo o resultado máximo em até 15 dias. O músculo reage com relaxamento, sem mudança na sensibilidade cutânea. A aplicação deve ser evitada em locais onde a musculatura tem funções fisiológicas mais importantes como na área da boca. A toxina botulínica só pode e deve ser injetada por médicos especializados, isto é, profissionais que conheçam tanto a anatomia da região quanto as características completas da substância utilizada. Caberá ao médico indicar os locais da aplicação, nos quais a relação custo/benefício será avaliada, com o objetivo de torná-la a mais favorável possível. A aplicação da toxina botulínica deve ser realizada em uma sala especial, com acomodação adequada para o especialista e paciente, contando com a assepsia do instrumental e das roupas. Além disso, o ambiente deve ser silencioso e próprio para a concentração que o procedimento exige. O procedimento é ligeiramente doloroso e pode deixar pequenos hematomas que permanecem por 5 a 10 dias. A ação da toxina botulínica inicia-se após 48 horas do procedimento, atingindo o resultado máximo em até 15 dias. O músculo reage com relaxamento, sem mudança na sensibilidade cutânea.A aplicação deve ser evitada em locais onde a musculatura tem funções fisiológicas importantes, como na área da boca. Não é aconselhável repetir a aplicação antes de 2 meses. O músculo sempre voltará a contrair, sendo raríssimas as sequelas definitivas. A toxina botulínica é, portanto, segura e eficaz para o tratamento das rugas de expressão, desde que seja diluída e aplicada de forma correta. A aplicação da toxina botulínica deve obedecer ao bom senso e, sendo assim, idade precoce, quantidade exagerada e aplicações seguidas devem ser evitadas. A reaplicação pode ser feita a cada 6 meses. COMUNICADO IMPORTANTE: Diante das variações técnicas que existem para o Botox, é importante uma boa avaliação com o cirurgião plástico para definir a técnica mais adequada para cada caso. É importante ressaltar que os cuidados no pós-operatório, bem como a reação do organismo à cirurgia são determinantes para o resultado final satisfatório do procedimento. O risco de complicações ou intercorrêcias podem ser de 1 a 3%. Fonte: Site do cirurgião plástisco em Fortaleza Dr. Edilson Pinheiro Dúvidas? Assista entrevistas sobre Botox: http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=JoVQh__-YEU http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=Xu7Bkjqx3xA http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=uj9horChuZw

Observação:

É importante ressaltar que os cuidados após o procedimento, bem como a reação do organismo são determinantes para o resultado final satisfatório do procedimento. O risco de complicações ou intercorrêcias podem ser de 1%.