(85) 3215 - 4515

Massagens

Pedras Quentes

A Massagem com Pedras Quentes é uma técnica Ayurvédica milenar, que se utiliza da termoterapia para tratar diversos problemas como: dores musculares, tensão, stress, prisão de ventre, cansaço, insônia e depressão.

A termoterapia utilizada na Massagem de Pedras Quentes consiste na condução de calor transmitido ao corpo através de pedras de diversos tipos. Que ao entrarem em contato com o corpo a atua sobre o sistema circulatório e linfático, ativando o metabolismo, promovendo o relaxamento do corpo e mente.

Esta técnica milenar tem inúmeros benefícios e possui registros de seus usos na Índia, China e Egito na antiguidade, mas se aplica perfeitamente ao homem e mulher modernos que precisam de um relaxamento mais profundo e dos seus benefícios terapêuticos para amenizar os problemas da agitada vida moderna. É muito comum pacientes entrarem em estado alfa durante o procedimento, é o relaxamento total, altamente benéfico para pessoas com depressão e stress.

Mais uma vez podemos perceber o auxílio da massagem em tratamentos de beleza, pois a Massagem com Pedras Quentes além de estimular os sistemas circulatório e linfático, é uma grande aliada no emagrecimento.

Procedimento:

Simples, indolor e extremamente relaxante, o procedimento é feito com o aquecimento das pedras vulcânicas de acordo com o tipo de pele do paciente. As pedras são acomodadas em diversas regiões do corpo, como rosto, olhos, mãos, pés e costas, de forma que a energia das pedras seja absorvida por pontos vitais do organismo.

Objetivos:

Com o auxílio da milenar técnica de Massagem com Pedras Quentes, oferecer relaxamente e equilíbrio para pessoas com stress, depressão e dores musculares, sendo uma grande aliada nos tratamento de beleza.

Indicações:

– Dores Musculares;
– Tensão;
– Stress;
– Prisão de Ventre;
– Cansaço;
– Insônia
– Depressão.

 

Observação:
É importante ressaltar que os cuidados após o procedimento, bem como a reação do organismo são determinantes para o resultado final satisfatório do procedimento. O risco de complicações ou intercorrêcias podem ser de 1%.